Pensamentos de Deus

Todos os dias uma nova mensagem de Deus para sua vida!

Buscar Mensagens

Mensagens de 2021

Newsletter

Cadastre seu e-mail e receba todo dia uma mensagem poderosa e abençoada!

Redes Sociais

Nos ajude a compartilhar a Palavra de Deus!

Usando a Palavra para confundir o cristão.

Mensagem publicada em: 08.09.2014
Compartilhe essa mensagem:

" ... e lhe disse: Se és Filho de Deus, atira-te abaixo, porque está escrito: Aos seus anjos ordenará a teu respeito que te guardem; e: Eles te susterão nas suas mãos, para não tropeçares nalguma pedra."  Mateus 4.6.

O Espírito de Deus, através do profeta Oséias, deixou registrado : " O meu povo está sendo destruído, porque lhe falta o conhecimento." (Os.4.6). Jesus, o Filho de Deus, nascido por gravidez provocada pelo Espirito Santo, (Mt.1.18), crescera ouvindo de seus pais sobre Deus. Como todo menino judeu, também ia na sinagoga aprender com Hazzan, chefe da sinagoga, sobre as escrituras sagradas.

A Palavra afirma que Jesus ia anualmente, com seus pais, para Jerusalém, à Festa da Páscoa. Quando ele tinha doze anos, depois de participarem da festa e já no retorno, seus pais perceberam que ele não estava com a caravana. Todos seguiram viajem mas José e Maria retornaram a Jerusalém para procurá-lo.  O fizeram por dois dias sem sucesso, mas no terceiro o encontraram no templo. (Lc. 2.41-46). 

Ele estava assentado com os doutores, ouvindo e interrogando-os. Só pode interrogar doutores quem tem conhecimento do que irá perguntar : "E todos os que o ouviam muito se admiravam da sua inteligência e das suas respostas". (Lc. 2.47). Isso não aconteceu só quando ele era criança, mas também quando se tornou homem. Um dos principais dos Judeus,Nicodemos, lhe disse: " ... Rabi, sabemos que és Mestre vindo da parte de Deus..." (Jo.3.2). 

O prazer de Jesus era meditar na Palavra do Pai.(Sl.1.2). O fazia de dia e de noite. Quando mais meditava, mais lhe era explicado, ensinado, mostrado, desvendado, por isso nunca foi enganado e, quando colocado, pela palavra, em situação de confronto, tinha conhecimento do seu significado e, se sua menção, estava ou não correta, como quando lhe apresentaram a mulher adúltera, citando a lei de Moisés. (Jo.8). 

No deserto, o inimigo usou a Palavra para confundir Jesus. O que ele disse está escrito no salmo noventa e um, versículo onze, mas seu significado é que Deus nos dá proteção em nossos caminhos, que são por Ele determinados, mas nunca para tentarmos a Deus ou sequer coloca-lO à prova. (Dt.6.16). O maligno continua usando a Palavra para nos confundir. Temos que fazer como Jesus : conhecê-la e meditar, meditar, meditar, para não sermos enganados com a própria Palavra e perdermos a salvação.

Com amor em Cristo Jesus.  

Leve o Pensamentos de Deus com você

Baixe o aplicativo na Play Store

Baixe o aplicativo Pensamentos de Deus gratuitamente na loja de aplicativos de seu celular e leia as mensagens onde estiver!

Desenvolvido por UPPERTEC.