Pensamentos de Deus

Todos os dias uma nova mensagem de Deus para sua vida!

Buscar Mensagens

Mensagens de 2021

Newsletter

Cadastre seu e-mail e receba todo dia uma mensagem poderosa e abençoada!

Redes Sociais

Nos ajude a compartilhar a Palavra de Deus!

Que amor é esse ?

Mensagem publicada em: 17.07.2013
Compartilhe essa mensagem:

" E eis que um leproso, tendo-se aproximado, adorou-o, dizendo : Senhor, se quiseres, podes purificar-me "  Mateus 8.2

Era quase o fim daquele dia. Aliás, que dia maravilhoso! Quão profundos ensinamentos o Mestre Jesus acabara de trazer. Nunca se havia dito que eram bem aventurados os que choravam porque receberiam consolo, que seriam os mansos que herdariam a terra, e,  até, que os que tem fome e sede de justiça seriam, fartos ! Para Ele só existem duas palavras : sim, sim  e não, não. Fora disso vem do maligno. 

Aquela multidão apenas seguia Jesus. O leproso o adorou. Esta atitude fez toda diferença.  A multidão seguindo Jesus ele andava e não parava. Um homem apenas se prostou e o adorou. Jesus parou. Não estamos tomando atitudes iguais a multidão ?  Apenas seguimos Jesus e não temos tempo para adorá-lo. Seguindo, fazemos parte de uma multidão e somos mais um. Adorando,  Jesus olha nos nossos olhos e nos reconhece. Jesus para.

Leproso tinha que andar com vestidos esfarrapados, com a cabeça descoberta, a barba coberta com um véu e gritar continuamente  "imundo"  "imundo". (Lv.13.45-46, Nm5.2). Era pura vergonha e total derrota. Não podia entrar nas sinagogas e participar dos cultos. Morava fora do arraial, Nesta condição de doente,  deixava para trás toda a sua história, mulher, filhos, bens,  tudo.  Era excluído. Esquecido. Eliminado. Hoje não é diferente. Facilmente  tornamo-nos pessoa non grata.

Aquele homem esfarrapado, purulento e, por conta da doença, até malcheiroso, chegou bem perto de Jesus e, independente de sua situação, se lançou no pó e O adorou. Não pensou que a sujeira do chão iria trazer-lhe mais problemas, não pensou no que os outros iriam dizer. Não. Nada lhe interessava.  Ele tinha a oportunidade de adorar ao Senhor Jesus e o fez.  Sem olhar para os seus olhos, de cabeça baixa,  pergunta-lhe : Se quiseres podes purificar-me. Jesus não olhou apenas para o físico doente daquele homem. Olhou o seu interior e viu a dor da rejeição, da solidão, do desprezo, da vergonha, da separação.  Jesus olhou a sua alma e se compadeceu.  Ele viu o seu sofrimento  no profundo e no secreto. 

É assim que Ele te vê agora. O secreto. O íntimo. Aquilo que você não conta para ninguém. Que só você sofre. O que Jesus respondeu ao homem ?  Ele deu muito mais que uma resposta. Jesus tocou nele. Como o homem não se limitou para adorá-lo, Jesus não se limitou a fazer-lhe o bem. Não se preocupou com a lei.   Foi além. Muito além. Jesus curou-o. Quando o amor se une  ao poder, o resultado fica acima da própria lei.

É esse amor que temos que verdadeiramente conhecer. Que nos ama indiscriminadamente. Independente de tudo. Tanto que Deus amou o mundo de tal maneira que deu seu filho unigênito, para que todo aquele que Nele crê, não pereça, mas tenha a vida eterna (João 3.16).  A cura do homem foi instantânea. Jesus o devolveu à sua família, para criar seus filhos,  ver seus netos,  tomar sua posição no meio do povo, utilizar o que era seu e, o principal, poder entrar na casa de Deus e adorá-lo. O mesmo Jesus quer te tocar agora. Ele estende a sua mão. Adore-o e sinta o seu glorios o amor. 

Em Cristo, com amor.      

   


   

Leve o Pensamentos de Deus com você

Baixe o aplicativo na Play Store

Baixe o aplicativo Pensamentos de Deus gratuitamente na loja de aplicativos de seu celular e leia as mensagens onde estiver!

Desenvolvido por UPPERTEC.