Pensamentos de Deus

Todos os dias uma nova mensagem de Deus para sua vida!

Buscar Mensagens

Mensagens de 2021

Newsletter

Cadastre seu e-mail e receba todo dia uma mensagem poderosa e abençoada!

Redes Sociais

Nos ajude a compartilhar a Palavra de Deus!

Entendendo o fruto do Espírito.

Mensagem publicada em: 07.11.2013
Compartilhe essa mensagem:

" Mas o fruto do Espírito é : amor, alegria, paz, longanimidade, benignidade, bondade, fidelidade, mansidão, domínio próprio. Contra estas coisas não há lei "  Gl. 5.22-23.

O dia a dia é uma guerra interminável. Para vencê-la precisamos: aprender a lutar, conhecer e manejar bem o armamento que utilizaremos, o local do confronto e os pormenores do inimigo: como pensa, age e suas armas. Não adianta apenas disposição. Tem que se preparar. O inimigo não é leal e seu lema era, é e continuará sendo : matar, roubar e destruir ! (Jo.10.10).

A carne produz obras más (Gl.5.19-21), representados por pecados, que nos trarão, sempre, condenação e inúmeras perdas. A maior delas é a separação de Deus. O "fruto", somente o Espírito Santo pode produzir em nós, quando nos controla completamente. Ele é unico e indivisível.  As "obras" da carne são muitas e distintas entre sí.

A guerra é entre a nossa carne e o Espírito. Quem mais alimentarmos e treinarmos vencerá.  Assim, ao começar qualquer batalha, você já sabe se será ou não vencedor, pois é você que decidirá para quem penderá. (carne ou Espírito). É uma decisão personalíssima. O local do confronto é o nosso interior.  O inimigo, anda em derredor, ruge como leão e está pronto a nos devorar. É adversário.(1 Pe.5.8). 

Para vencê-lo temos que andar no Espírito e jamais satisfazer à vontade da carne (Gl.5.16). Andamos no Espírito quando vivemos o amor disciplinado por Deus, que ensina ser paciente com as pessoas imperfeitas;  benigno, porque só faz o bem;  não se ensoberbece, porque jamais trata os outros com arrogância;  que tudo crê, porque acredita no melhor das pessoas; que tudo espera, acredita no futuro, e que tudo suporta, persevera e se mantém leal até o fim.

Quando vivemos na alegria, porque aprendemos que o reino de Deus não é comida e nem bebida, mas justiça e paz.(Rm.14.7). Vivemos na paz deixada por Cristo, não a do mundo, pelo que nosso coração jamais é turbado. (Jo.14.27); Vivemos na longanimidade, porque aprendemos a perseverarmos firmes, tomando por fundamento a paciência de Jó. (Tg. 5.10-11). Na benignidade, amando sem querer nada em troca :ao sermos feridos em uma face, voltarmos a outra,além de dar a túnica, entregarmos também a capa, e andar não só uma milha, mas duas. (Mt.5.59-41). 

Vivemos na bondade, quando somos generosos em ação efetiva para com outra pessoa, como foi o samaritano e o homem caído machucado pelo caminho. Cuidamos de suas feridas, levamos para ser curado e pagamos as despesas, sem ao menos conhecê-lo, nada querendo em troca. (Lc. 10.29-37).  Vivemos em fidelidade, quando não tememos o que iremos sofrer por amor a Cristo, mesmo lançado em prisões e colocados à prova, somos, por Ele, fiel até a morte. (Ap. 2.10). Vivemos na mansidão, quando nos tornamos pacificadores, muito embora o mundo chame de covardes. (Mt. 11.29). Possuímos domínio próprio, quando nos tornamos sóbrios em todas as coisas, suportando todas as aflições. (2 Tm.4.5.). O Espírito Santo te fará mais que vencedor. Creia !

Com amor, em Cristo Jesus. 


 

Leve o Pensamentos de Deus com você

Baixe o aplicativo na Play Store

Baixe o aplicativo Pensamentos de Deus gratuitamente na loja de aplicativos de seu celular e leia as mensagens onde estiver!

Desenvolvido por UPPERTEC.